Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘less is more’

Você já ouviu falar do Principio de Pareto ou da regra dos 80:20? (é o princípio da teoria da cauda longa e tal…)

Ela fala que:
20% das causas resultam em 80% das consequências
20% do trabalho gera 80% do resultado
20% dos clientes proporcionam 80% do lucro
entre outros…

80-20-rule-4

Obviamente, os percentuais não são exatos, mas a premissa básica (de que uma pequena porcentagem do que fazemos traz a maior parte do resultado final) é uma ferramenta analítica muito útil para o seu negócio.
Se você quer aprender como aplicar a regra 80:20 na escolha dos seus clientes, seus preços e nos trabalhos que você faz, este artigo vai te ajudar.
Freelar 80:20 vai te permitir trabalhar menos e ganhar a mesma grana (!)
Se você tiver sorte (e perspicácia), você pode acabar aumentando a receita do seu negócio, fazendo menos e focando apenas no que realmente importa.

Usando o 80:20 nos clientes
Você consegue identificar o Principio de Pareto na sua base de clientes?
Vamos dizer que você tenha três clientes recorrentes por semana (os 20%) que pagam bem. Você tem que fazer muito pouco para manter este relacionamento: mande seu trabalho quando estiver finalizado, e pronto. Estes três clientes recorrentes provavelmente vão te render 80% do seu faturamento.
Considere os outros 80% – os clientes “de um job só”, os que pedem revisões, renegociações e coisas assim. Quando você finalizar o job deles, eles “terminam” com você.
O jeito que você vai aplicar o 80:20 para prospectar clientes é um pouco diferente, mas o espírito é o mesmo.
Sente e analise como você pode se beneficiar da regra 80:20 na prospecção dos seus clientes. Quem sabe você pare de ir atrás dos clientes de “um sucesso só” e foqu seus esforços em encontrar “O” cliente, aquele que paga bem?! 😉

Usando o 80:20 no atendimento
A ideia aqui é que 20% do relacionamento gere 80% de resultado.
Se você começa a perceber um padrão de negociações, encurte o processo criando um FAQ (respostas às perguntas frequentes) para todos os clientes prospects.
Para mim, o atendimento básico aos novos clientes é mais ou menos assim:

Primeiro email do cliente: “estou pensando em te contratar para x. Quanto você cobra?”
Resposta: ”Vou cobrar $100 por este trabalho”
Segundo email do cliente: “Você faria por $80?”
Resposta: “Não”
Terceiro email do cliente: “Hmmm… OK. Como te pago?”
Resposta: “Segue minha conta bancária”
Quarto email do cliente: “Te paguei. Vamos começar?”

Ou você pode pular esta parte. Quando um cliente te mandar um sinal de interesse e o job que ele descrever te interessa fazer, você já pode anexar um FAQ no seu primeiro email de resposta.
Outra coisa legal é você postar seus preços básicos no mesmo lugar onde você anunciar sua disponibilidade para freelas. Se você for como eu, 50% dos seus contatos iniciais vão terminar em “isto é mais do que eu posso pagar”, então evite esta troca de frustrações, já deixando seu preço claro, desde o começo.

Usando o 80:20 no dia de trabalho
Aplicado ao dia de trabalho ele representa algo como: 20% do trabalho gera 80% do dinheiro.
No meu caso, como um blogger freelancer, meu 80:20 se quebra mais ou menos assim:

80 = responder emails, ler feeds, pensar em ideias para posts, fazer lista de TO-Dos, controlar as finanças, mandar recibos
20 = escrever e finalizar artigos

Para identificar seu 80:20 a primeira pergunta que você tem que se fazer:  qual parte dos 80 você pode eliminar sem diminuir sua receita, ou pelo menos, sem perder mais dinheiro do que ganharia se redirecionasse seu tempo para tarefas dos 20?

Usando o 80:20 nos preços
Se você dobrar seus preços, mas sua prospecção de clientes cair uns 40%, você ainda estará ganhando mais dinheiro do que antes.
Menos clientes para administrar significa mais tempo no seu dia.

less_is_more

Moral da história
A essência da regra do 80:20 é focar no que é importante e eliminar (ou minimizar) o que não é.
Esta é uma regra simples que pode dar um “gás” nos seus trabalhos de freelancer.

E aí, como você divide seu 80:20?

livre tradução do texto original
de Skellie Wag

leitura sugerida:

21500867_4

Read Full Post »